PROJETOS

Aroma: Novos designs de sensores em fibra ótica para a deteção de compostos de AROMA

Programa: FCT - IC&DT 
Referência: Centro-01-0145-FEDER-031568 + PTDC/EEI-EEE/31568/2017
Promotor: Universidade de Aveiro
Parceiros: Universidade da Madeira
Período de execução: 01/06/2018 a 31/05/2021

Descrição: O projeto AROMA foca-se no desafio de detetar compostos de aromas usando novos designs de sensores em fibra ótica. O principal objetivo deste projeto é desenvolver um protótipo baseado num laboratório em fibra, capaz de detetar simultaneamente múltiplos compostos orgânicos voláteis (VOCs). Os sensores em fibra, baseados em cavidades microressonantes como as microesferas ou microcilindros, serão desenhados, modelados, fabricados e testados. Através da deposição de materiais químico-seletivos, será esperada uma melhoria no desempenho do sensor em relação à deteção de VOCs, aumentando a seletividade e resolução/sensibilidade. O projeto AROMA irá incluir um caso de estudo onde os novos sensores serão aplicados na deteção de VOCs marcadores de oxidação/envelhecimento de vinhos fortificados, nomeadamente, vinhos Madeira. Os resultados obtidos com os sensores em fibra serão comparados e avaliados usando métodos analíticos clássicos, como os que usam deteção por cromatografia gasosa ou líquida acoplada a espectrometria de massa. Este ambicioso projeto tem uma forte componente de inovação, uma vez que o uso de cavidades microressonantes em fibra para a deteção de VOCs ainda foi pouco explorado pela comunidade científica. Além disso, os novos sensores podem tornar-se soluções muito atrativas para a indústria alimentar, e como tal, poderão vir a ter um grande impacto na economia Portuguesa. 

IMPACT III: Impacto da Tecnologia na Qualidade do Vinho Madeira

Programa: PROCiência2020
Referência: M1420-01-024-FEDER-000024
Promotor: Madeira Wine Company
Parceiros: Universidade da Madeira
Período de execução: 01/07/2018 a 30/06/2020

Descrição: O projeto IMPACT foca-se na avaliação da evolução dos vinhos Madeira em armazém da MWC, através da monitorização da temperatura e humidade dos armazéns (situados na Zona Franca da Madeira (ZFM), Caniçal, e nas Adegas de São Francisco (ASF), no Funchal) para que seja estabelecida a sua relação com as características analíticas e sensoriais dos vinhos armazenados. Este conhecimento é fundamental para a qualidade do vinho Madeira produzido, dada a importância crescente do mercado dos vinhos mais velhos e ao facto da armazenagem deste produto, ao contrário dos vinhos de mesa, beneficiarem de temperaturas mais elevadas. O valor económico de um Vinho Madeira está então relacionado com os custos financeiros da sua armazenagem e das perdas associadas, mas principalmente com as melhorias de qualidade que esse processo implica.   

Relacionado: Projeto em destaque no programa da RTP "Madeira Inovation Hub", de 28/06/2020 - Ver vídeo aqui.

PCUSVitis: Certificação, valorização económica e gestão de coleções de materiais de propagação vegetativa de videira na Região Autónoma da Madeira

Programa: PRODERAM 2020 
Referência: Projecto 1424.10.2.0
Promotor: Instituto do Vinho do Bordado e do Artesanato da Madeira 
Parceiros: Universidade da Madeira (ISOPlexis), Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, Direção Regional de Agricultura - Secretaria Regional de Agricultura e Pescas. 
Período de execução: 04/06/2019 a 03/06/2021 

Descrição: A operação destina-se a promover a certificação e valorização económica de materiais de propagação vegetativa de videira, de algumas das castas regionais tradicionalmente utilizadas na produção de vinho das Denominações de Origem (DO) e Indicação Geográfica (IG) existentes na Região Demarcada da Madeira (RDM), através da instalação de vinhas mãe em ambiente confinado (estufa). Simultaneamente, o projeto visa apoiar a manutenção, melhoria e gestão do património vitícola, com interesse económico estratégico para a Região Autónoma da Madeira (RAM), presentemente instalado ou a instalar nos “Campos de Experimentação e Demonstração Vitícola”, geridos pelo Instituto do Vinho do Bordado e do Artesanato da Madeira, IP-RAM (IVBAM, IP-RAM), bem como numa coleção “in vitro” a instalar no MicroLab Madeira, laboratório de cultura “in vitro” de plantas da Direção Regional de Agricultura (DRA).  

AHIDAGRO: Contribución al ahorro hídrico en cultivos estratégicos para el sector primario de Canarias y Madeira mediante la aplicación de productos y extractos naturales bioactivos con propiedades osmoprotectoras

Programa: MAC 2014-2020 
Promotor: Instituto de Productos Naturales y Agrobiologia 
Parceiros: Universidade da Madeira (ISOPlexis), Universidad de La Laguna, Cabildo Insular de Tenerife, BIOVERT S.L., KWEEK AGRO S.L.. 
Período de execução: 01/10/2019 a 30/09/2022 

Descrição: O principal objetivo deste projeto é a otimização de uma tecnologia que permita, mediante o uso de moléculas bioativas e extratos naturais de algas endémicas da Macaronésia, capazes de aumentar a tolerância de plantas de sequeiro, contribuir para a retenção hídrica em diferentes cultivos de interesse económico e estratégico para as Canárias, Açores e Madeira. Espera-se que com os resultados obtidos, tanto em campo como em laboratório, permita o licenciamento da tecnologia para o sector agroquímico, com o objetivo de poder ser usada pelo sector primário. O principal beneficiário dos resultados deste projeto será o sector primário, visto que será abordado o problema da escassez de recursos hídricos existente nas regiões da Macaronésia e que põe em risco este sector nos próximos anos, como consequência das alterações climáticas. 

Agrodiversidade, recursos genéticos e produções regionais na Região Autónoma da Madeira

Programa: PRODERAM 2020 
Referência: Projecto 20.19.2.3-FEADER10096
Promotor: Associação da Costa Oeste
Parceiros: Universidade da Madeira (ISOPlexis)
Período de execução: 01/02/2019 a 31/07/2020

Descrição: O projeto visa sistematizar e divulgar os conhecimentos acumulados no domínio da agrodiversidade e dos recursos genéticos endógenos da Região, em particular aqueles que estão presentes e em uso no território da ADRAMA, apetrechando os agentes do sector com a informação, que permitirá a valorização das produções locais e a diversificação da economia rural.  

VERCOCHAR: Vermicompost, compost y biochar, herramientas para la adaptación al cambio climático, la prevención y mitigación de los efectos derivados de los riesgos naturales en el medio agrícola y forestal

Programa: MAC 2014-2020
Promotor: Instituto Canario de Investigaciones Agrarias
Parceiros: Instituto Tecnológico de Canarias, Universidad de La Laguna, Mancomunidad del Sureste de Gran Canaria, Radio Ecca, Asociación de Desarrollo Rural Ader La Palma, Cabildo Insular de Gran Canaria, Universidade dos Açores, Fundaçao Gaspar Frutuoso, Secretaria Regional de Agricultura e Pescas, Universidade da Madeira (ISOPlexis).
Período de execução: 01/09/2019 a 31/08/2022

Descrição: O projeto tem como principal objetivo melhorar a resposta dos ecossistemas frente aos efeitos das alterações climáticas, facilitando a regeneração dos solos afetados pela erosão, seca, escoamento ou desertificação e por em marcha ações de mitigação que favoreçam o incremento da sua resiliência. 

MAIS INFORMAÇÃO

FRUTTMAC: Transferencia de I+D+i para el desarrollo sostenible de frutales tropicales en la Macaronesia

Programa: MAC 2014-2020
Promotor: Instituto Canario de Investigaciones Agrarias
Parceiros: Universidade da Madeira (ISOPlexis), Universidad de La Laguna, Agencia Estatal Consejo Superior de Investigaciones Científicas, Governo Regional da Madeira, Cabildo Insular de Gran Canaria, Cabildo Insular de Fuerteventura, Cabildo Insular de Lanzarote, Cabildo Insular de Tenerife, Cabildo Insular de El Hierro, Cabildo Insular de La Palma, Cabildo Insular de La Gomera, ASAGA Canarias ASAJA, Asociación de Organizaciones de Productores de Plátanos de Canarias, Associação Parque de Ciência e Tecnologia da Ilha Terceira, Norte Crescente - Asociacao de Desenvolvimiento Local, Direção Geral da Agricultura - Silvicultura e Pecuária, Instituto Nacional de Investigación y Desarrollo Agrario, SAT FAST, Cultivos y Tecnología Agraría de Tenerife S.A., Vivero La Cosma S.L., E.I. Archipiélago S.A., Conagricán S.L., Invermira, Savasa Agrícola S.L.. 
Período de execução: 2019 a 2022

Descrição: Aumentar a transferência e difusão de tecnologia e da cooperação entre empresas e universidades ou outros centros de investigação para a gestão sustentável de explorações de frutas tropicais da região da Macaronésia e difusão e comercialização de novas variedades e produtos derivados. 

CUARENTAGRI: Investigación, identificación, análisis de riesgo, formación y sensibilización sobre potenciales plagas de cuarentena y plagas reguladas no de cuarentena en los principales cultivos de las regiones de estudio

Programa: MAC 2014-2020
Promotor: Gestión del Medio Rural de Canarias
Parceiros: Universidade da Madeira, Dirección General de Agricultura del Gobierno de Canarias, Instituto Canario de Investigaciones Agrarias, Universidad de La Laguna, Universidade dos Açores, Fundação Gaspar Frutuoso, Secretaria Regional de Agricultura e Pescas, Direcção Geral da Agricultura, Silvicultura e Pecuária, Instituto Nacional de Investigação e Desenvolvimento Agrário, Universidade de Cabo Verde, Institut Sénégalais de Recherches Agricoles.
Período de execução: 2019 a 2022

Descrição: O projeto visa a identificação de pragas de quarentena e de pragas que não são de quarentena que afetam o sector primário, devido à importação de vegetais e movimento de pessoas entre as regiões em estudo, e a realização de análises de risco para estabelecer medidas de mitigação, com o objetivo de proteger as produções agrícolas. 

Caracterização e conservação dos principais recursos genéticos vegetais tradicionais e estratégicos da RAM

Programa: PRODERAM 2020
Referência: Projeto 873.10.2.0
Promotor: Universidade da Madeira (ISOPlexis)
Parceiros: Direção Regional de Agricultura e Desenvolvimento Regional – Secretaria Regional de Agricultura e Desenvolvimento Rural, Associação de Jovens Agricultores da Madeira e Porto Santo, Associação dos Produtores de Sidra da Região Autónoma da Madeira. 
Período de execução: 01/10/2018 a 31/05/2021

Descrição: A operação destina-se a se a apoiar a manutenção, multiplicação e gestão das coleções de germoplasma (in situ e ex situ) de maceira, pereira, ameixeira, cerejeira, castanheiro, ginjeira, figueira, mirtilo, cidreira, bem como de batata-doce, cebola, anona, maracujá, abacate e mangueiro e a realização de ações de prospeção, inventariação, colheita, caraterização, conservação e documentação das variedades locais de batata-doce (Ipomoea batatas (L.) Lam), cebola (Allium cepa L.), anona (Annona cherimola Mill.), maracujá (Passiflora edulis Sims), variedades não incluídas no Catálogo Nacional de Variedades. 

APOGEO MAC - Agricultura de precisão para o melhoramento da produção de vinho na Macaronésia

Programa: PCT-MAC 2014-2020 
Promotor: Universidad de Las Palmas de Gran Canaria (ULPGC)
Parceiros: Instituto de Productos Naturales y Agrobiología (IPNA) del CSIC, Universidade da Madeira (ISOPlexis), Dirección General de Agricultura del Gobierno de Canarias, Cabildo Insular de Gran Canaria, Cabildo Insular de La Palma.
Período de execução: 01/12/2019 - 30/09/2022 

Objetivo Geral: Melhorar a competitividade e a inovação nas empresas vitivinícolas da Macaronésia, por meio da investigação, do desenvolvimento e transferência de tecnologia baseada na “Agricultura de Precisão”, formando os atuais e futuros profissionais do setor primário no uso destas tecnologias.

Objetivo Específico: Desenvolvimento e transferência tecnológica de um sistema comercial com baixo custo baseado em drones, sensores espectrais avançados e aplicações móveis para o monitoramento em tempo real do estado de saúde dos vinhedos da Macaronésia, gerando informação relevante para o viticultor. 

CASBio - Avaliação e monitorização da Agrobiodiversidade e da Sustentabilidade dos Agrossistemas nos novos cenários climáticos

Programa: Programa Operativo Madeira 14-20 da Região Autónoma da Madeira 
Código do projeto: M1420-01-0145-FEDER-000011
Promotor: Centro ISOPlexis / Universidade da Madeira  
Parceiros: Direção Regional da Agricultura; Direção Regional do Ordenamento do Território e do Ambiente; Laboratório Regional de Engenharia Civil; Centro de Ecologia e Alterações Ambientais; Instituto de Ciências Agrárias e Ambientais Mediterrânicas; Instituto de Productos Naturales y Agrobiología; Grupo de Biologia Vegetal Aplicada; Crop Development and Management; CIRAD - Le recherche agronomique pour le développement.
Período de execução: 01/09/2017 a 31/12/2022  

Descrição: O CASBio é um projeto de avaliação e monitorização da Agrobiodiversidade e Sustentabilidade dos Agrossistemas nos novos cenários climáticos, e desenvolvimento do conhecimento e tecnologia que contribuam para a promoção da BIOeconomia. Este projeto tem como objetivo contribuir para a implementação da Estratégia Regional de Especialização Inteligente para a Região Autónoma da Madeira (RIS3-RAM), no domínio da Biosustentabilidade e da estratégia CLIMA-Madeira. A operação está estruturada em 3 linhas de investigação que vêm responder a prioridades já identificadas na necessidade de aumento do conhecimento sobre o impacto das alterações climáticas na agricultura (Agrobiodiversidade e Agrossistemas) da RAM.

MACBioBlue - Proyecto demostrativo y de transferencia tecnológica para ayudar a las empresas a desarrollar nuevos productos y procesos en el ámbito de la Biotecnología Azul de la Macaronesia

Programa: PCT-MAC 2014-2020 
Promotor: Instituto Tecnológico de Canárias 
Parceiros: Centro ISOPlexis; Fundación Instituto Canario de Investigación del Cáncer; Universidade dos Açores; Universidade de La Laguna; Universidade de Las Palmas, Grande Canária; Universidade de Cabo Verde; Instituto de Cultura Ibero-Atlântica; Universidade do Senegal; Universidade da Mauritânia.
Período de execução: 2017 a 2019 

Descrição: O projeto tem por objetivo proceder à avaliação do potencial medicinal, alimentar ou agrícola de macroalgas de arrojamentos ou microalgas. O Centro ISOPlexis no âmbito do projeto é responsável pelo desenvolvimento de técnicas de extração e obtenção de extratos de macro e microalgas fornecidas pelo ITC, participa ainda no desenvolvimento de estudos de avaliação composição bioquímica, valor nutricional, e atividade e potencial antioxidante das algas, e da atividade biológica dos componentes funcionais dos extratos. 

Blue Iodine II - Boost BLUE economy through market uptake an innovative seaweed bioextract for IODINE fortification

Programa: Horizon 2020. SME Instrument (Instrumento de financiamento das PMEs) 
Promotor: UBQ, Laboratórios de Bioquímica 
Consultor científico: Centro ISOPlexis 
Período de execução: 2016 a 2018 

Descrição: O projeto tem por objetivo desenvolver e implementar a produção de produtos derivados de algas, de valor acrescentado, nomeadamente suplementos alimentares (IODOBEM). A produção destes produtos recorrerá a algas marinhas produzidas em aquacultura e off-shore e ao seu processamento industrial e extração de biocomponentes por biorefinaria. Os produtos IODOBEM servirão para colmatar as carências de iodo na população. 

DemoBlueAlgae - Desenvolvimento de metodologias e otimização dos processos de cultivo e processamento de macroalgas para a indústria e economia azul

Programa: ProCiência, Madeira 14-20 
Promotores: UBQ, Laboratórios de Bioquímica; Centro ISOPlexis 
Período de execução: 2016 a 2018 

Descrição: O projeto tem por objetivos: recolher, estabelecer e manter em banco macroalgas marinhas de interesse para a indústria e investigação; promover o cultivo e crescimento de algas alvo; proceder à avaliação do potencial e desenvolver processos de transformação das macroalgas, com interesse para o promotor, a fim de desenvolver produtos para posterior utilização na sua atividade industrial. 

MAIS INFORMAÇÃO

Life Recover Natura - Recuperação de espécies e habitats terrestres dos sítios da Rede Natura 2000 da Ponta de São Lourenço e Ilhas Desertas

Programa: Life 
Promotor: Parque Natural da Madeira/Instituto das Florestas e Conservação da Natureza 
Parceiros: Centro ISOPlexis; Sociedade Portuguesa para o estudo das aves; Direção Regional de Florestas e Conservação da Natureza; Centro de Biologia Ambiental, UL; Madeira Fauna e Flora; U Napoles; CFloresta e Conservação, IT; Faculdade de Ciências da Vida, UMa; Secretaria Regional do Ambiente e Recursos Naturais.
Período de execução: 2013 a 2018 

Descrição: O projeto tem como objetivo proceder à inventariação e monitorização dos ecossistemas e espécies nativas da Ponta de São Lourenço, com a restauração dos habitats e ecossistemas nativos. No âmbito do projeto a unidade é responsável pelas ações A6, C8, D11 que visam a inventariação e monitorização das populações da espécie nativa e parente silvestre das acelgas e beterraba, Beta patula, com a realização do censos e estudo populacional e genético das espécies, com vista implementação de uma reserva genética no MAP. 

PROJETOS CONCLUÍDOS

SUPERPro: Supervisão do processo fermentativo da cerveja LAGER

Programa: PROCiência2020 
Referência: M1420-01-0247-FEDER-000007
Promotor: Empresa de Cerveja da Madeira 
Parceiros: Universidade da Madeira 
Período de execução: 01/09/2017 a 31/08/2019  

Descrição: O projeto teve por objetivo a otimização do processo de produção da cerveja Coral, a partir do estudo da formação dos off-flavours da cerveja durante o processo de fermentação. O estudo foi realizado numa escala piloto, com capacidade para fabricos entre os 500 e os 1000 L de forma a minimizar os desperdícios decorrentes dos vários testes efetuados. Os outputs do projecto materializaram-se em alterações e melhorais no atual processo produtivo e por consequência no produto final, em particular na redução da concentração do off-flavour diacetilo no produto acabado.  

Relacionado: Projeto em destaque no programa da RTP Madeira "Inovation Hub", de 28/06/2020 - Ver vídeo aqui.

GeDiPa - Genetic diversity of Patellifolia species

Programa: ECPGR Activity Grants 
Promotor: Julius Kühn-Institut 
Parceiros: Centro ISOPlexis; Bioversita International; Universidade Rei Juan Carlos; Instituto de Investigação Científica Tropical, TI; University of Birmngham 
Período de execução: 2015 a 2017 

Descrição: O projeto teve por objetivo obter um melhor conhecimento da distribuição espacial e da diversidade genética dentro do Género Patellifolia, bem como o estabelecimento de coleções ex-situ e in-situ standard. Foram recolhidas amostras na península Ibérica e nos Arquipélagos da Macaronésia (Açores, Cabo Verde, Canárias e Madeira) de forma a analisar um total de 271 indivíduos para a sua ploidia e para 24 marcadores de microssatélites. Para o Arquipélago da Madeira foram cedidas amostras de 18 populações de Patellifolia patellaris, das quais 15 foram conservadas ex-situ na coleção de germoplasma do Centro ISOPlexis. O projeto foi concluído em julho de 2017.  

RESULTADOS DISPONÍVEIS AQUI
Taro Project - Adapting propagated crops to climatic and commercial changes

Programa: Europe Aid/128-500/C/ACT/TPS/Comunidade Europeia 
Promotor: CIRAD e SPC.  
Parceiros: Centro ISOPlexis; Bioversita International; Universidade de Maribor; Institut national de la recherche agronomique - Monteplier; Deutsche Sammlung von Mikroorganismen und Zellkulturen, Alemanha; Indonesia; India, Filipinas, Quénia, PNG, Nigéria, Gana, África do Sul, Cuba, Burkina Faso, Nicarágua, Costa Rica, Trinidade e Tobago.  
Período de execução: 2011 a 2016  

Descrição: O projeto envolveu 19 países, e teve como objetivo estabelecer e aprofundar a cooperação no domínio da troca de recursos genéticos, biotecnologias e informação sobre as culturas alvo, nomeadamente as raízes tropicais Colocasia esculenta (inhame) e Xanthosoma sagittifolium. Neste âmbito, o projeto resultou na criação da rede INEA (International Network for Edible Aroids), com o incremento da troca de material genético entre os participantes, e o aumento da base genética das espécies alvo. O Centro ISOPlexis liderou o workpackage 5, intitulado “Evaluation of drought resistance of elite cultivars and seedlings”, que visava a criação de um modelo de stress hídrico para a cultura do inhame (Colocasia esculenta), e onde foi realizado o rastreio de 34 variedades desta espécie em relação à tolerância à seca, proveniente dos Açores, Madeira, Canárias, Chipre e da coleção do banco de germoplasma da Comunidade do Pacifico (SPC), situado nas ilhas Fiji.  

Blue Iodine I - Boost BLUE economy through market uptake na innovative seaweed bioextract for IODINE fortification

Programa: Horizon 2020. SME INstrument (Instrumento de financiamento das PMEs)  Promotor: UBQ, Laboratórios de Bioquímica  Consultor Científico: Centro ISOPlexis  Período de execução: 2014 a 2015  Descrição: O projeto teve por objetivo realizar o estudo técnico-científico e plano de negócio para uma empresa de tecnologia média (UBQ), cujo objetivo visa desenvolver a biotecnologia azul, através do aproveitamento de recursos marinhos. Durante o projeto realizou-se a avaliação da produtividade e potencial das 3 macroalgas marinhas, dos processos de biorefinaria para a extração dos seus biocomponentes de forma eficiente.   

Monizia - Prospeção, Monitorização e Conservação da Monizia edulis na Madeira

Programa: The Mohamed Conservation Fund 2014 Promotor: Centro ISOPlexis Período de execução: 2014 a 2015 Descrição: O projeto teve por objetivo realizar a prospeção e monitorização das populações da planta endémica e parente silvestre das cenouras, Moniza edulis, a fim de avaliar o estado de conservação e as condições naturais de ocorrência da espécie. Do projeto resultou a prospeção de 5 locais, georreferenciação de 2 populações, caracterização e avaliação das suas condições edafo-climáticas e ecológicas, amostragem e recolha de germoplasma. 

Millenium Project - Towards a more complete coverage of the diversity of crop wild relatives in ex situ collections. Collection of Avena, Daucus, Hordeum, Lathyrus, Lens, Malus, Medicago, Pisum, and Vicia genepools in Portugal

Programa: The Global Crop Diversity Trust 
Promotor: Kew Garden 
Parceiros: Centro ISOPlexis; Consultative Group on International Agricultural Research; Museu Nacional de História Natural e da Ciência, UL; Banco Português de Germoplasma Vegetal; JBFaial 
Período de execução: 2014 a 2015 

Descrição: Este projeto foi desenvolvido em parceria com outras entidades nacionais com experiência no campo dos parentes silvestres das culturas agrícolas, tendo como objetivo colher e conservar material oriundo do Arquipélago da Madeira de CWR’s de várias espécies pertencentes aos genepools dos géneros Avena, Daucus, Hordeum, Lathyrus, Medicago e Vicia. Foram recolhidas 41 amostras de 12 espécies distintas com os respetivos exemplares de Herbário. Foram enviadas as amostras para a coleção do Jardim Botânico de Kew e feitos duplicados de todas as amostras enviadas, encontrando-se armazenados na coleção de Germoplasma do Centro ISOPlexis.

Normania II - Prospeção, Monitorização e Conservação da Normania triphylla na Madeira

Programa: The Mohamed Conservation Fund 2013
Promotor: Centro ISOPlexis 
Período de execução: 2013 a 2015 

Descrição: O projeto teve por objetivo realizar a prospeção da planta endémica, Solanum trisectum [ Normania triphylla] na natureza e monitorizar as populações naturais deste parente silvestre, de espécies agrícolas, raro e em perigo de extinção, a fim de implementar programas de conservação ex situ e in situ. Este trabalho incluiu a georreferenciação e monitorização, caracterização das condições edafo-climáticas e biológica dos locais, recolha de germoplasma para a conservação e propagação da espécie. 

BPMA - Bioprospeção de macroalgas marinhas na Madeira para avaliação do seu potencial

Programa: +Conhecimento 
Promotores: UBQ II; Centro ISOPlexis 
Período de execução: 2013 a 2015 

Descrição: O projeto teve por objetivo realizar a prospeção, recolha, cultivo ex situ, e avaliação das macroalgas marinhas mais frequentes na linha costeira da Madeira. Durante o projeto procedeu-se à inventariação das macroalgas que ocorrem no arquipélago da Madeira. Em resultado da prospeção, perto de 40 macroalgas foram georreferênciadas, 7 algas foram objeto de amostragem, desenvolvimento de metodologias de cultivo e de extração e análise das principais frações de componentes biofuncionais. As macroalgas estudadas foram definidas com base no conhecimento detido pelo promotor e/ou em dados bibliográficos. 

SafePGR. Project "SafePGR" Diversity of Viruses threatening plant germplasm Distribution

Programa: ANR NET-BIOME 2010-2011 
Promotor: Centro de Cooperação Internacional de Investigação Agronómica para o Desenvolvimento (CIRAD) – Guadalope 
Parceiros: Centro ISOPlexis; CIRAD - Reunion; CIRAD - Montpellier; Institut national de la recherche agronomique, Bordeaux; Centro de Biotecnologia dos Açores; CIRAD - Maurícias. 
Período de execução: 2012 a 2015 

Descrição: O projeto teve por objetivo o estudo da diversidade de vírus que afetam as culturas de propagação vegetativa, nomeadamente a banana, cana-de-açúcar, falso inhame (discorias), batata-doce, alho e baunilha. Estas culturas foram definidas como espécies alvo do projeto Safe-PGR. O Centro ISOPlexis no âmbito do projeto teve a seu cargo, o estudo dos vírus para as culturas da bananeira e batata-doce. Durante o projeto procedeu-se à obtenção de 300 índices víricos na avaliação de amostras de germoplasma da batata-doce (192 índices) e bananeira (108 índices). Os resultados demonstram que o germoplasma de batata-doce é mais afetado pela presença de vírus do que a bananeira, foram detetados 6 vírus na batata-doce do complexo SPV(C/Y/CF/MF), dos quais 2 são novas referências para a Madeira e na Bananeira, o Banana mild mosaic vírus.

BATATINPAN - Desenvolvimento do processo de transformação de batata-doce para a indústria de agroalimentar

Programa: +Conhecimento 
Promotores: Sociedade Insular de Moinhos e Centro ISOPlexis 
Período de execução: 2012 a 2014 

Descrição: O projeto BATATINPAN incidiu na avaliação nutricional, físico-química, tecnológica, reológica, microbiológica, organolética e agro-morfológica de 6 variedades regionais de batata-doce com a seleção das variedades que apresentaram características mais apropriadas para a panificação e outros derivados. O Centro ISOPlexis esteve responsável pelo processo de transformação da batata-doce em farinha pura e avaliação das características nutricionais, físico-químicas e microbiológicas. Nesta co-promoção conseguiu-se em conjunto realizar um estudo detalhado quanto à potencialidade da aplicação de produtos hortícolas regionais na indústria, o que permitiu lançar no mercado dois novos produtos regionais à base de farinha de batata-doce. O processo desenvolvido durante o projeto BATATINPAN para a preparação de farinha à base de batata-doce e farinhas assim obtidas foi registado como patente de invenção nacional (#107526 de 12/07/2017).

Relacionado: Projeto em destaque no programa da RTP "Madeira Inovation Hub". de 28/06/2020 - Ver vídeo aqui.

MAIS INFORMAÇÃO
Normania I - Programa de recuperação e conservação in situ e ex situ da Normania triphylla

Programa: Laboratorios Klorane, Mecenato científico 
Promotor: Centro ISOPlexis 
Parceiros: Laboratórios Klorane e Jardim Botânico da Madeira
Período de execução: 2011 a 2012 

Descrição: O projeto teve como objetivo avaliar o programa de conservação in situ da Normania triphylla realizado pelo JBM e realizar a prospeção da planta nos locais de ocorrência, observação histórica ou referenciados como mais apropriados para a ocorrência desta espécie. Os locais de prospeção ou monitorizado foram selecionados com base na informação do JBM ou na bibliografia. Durante o projeto 13 locais foram objeto de prospeção, 2 populações naturais e 4 sitos de reintrodução foram georreferenciados. Procedeu-se ainda à inventariação e amostragem das populações, caracterização e monitorização das condições ecológicas nas populações e locais de reintrodução, amostragem e recolha de germoplasma, germinação e propagação da planta para posterior reintrodução na natureza de forma a reforçar o número de indivíduos nas populações desta espécie.

AGRICOMAC - Transferencia de Tecnología ao Sector Agrícola da Macaronesia

Programa: Espaço PCT MAC 2007-2013 
Promotor: Asociación de Agricultores y Ganaderos de Canarias 
Parceiros: Centro ISOPlexis; Instituto Canário de Investigação Agrária; Cabildo Insular de Tenerife; Cabildo Insular de La Palma; Associação da Agricultores da Madeira; FRUTER; BIOTECH, UA 
Período de execução: 2009 a 2011 

Descrição: O projeto teve como objetivo promover o uso de variedades tradicionais no sector agrícola da Macaronésia e a transferência de tecnologia para o desenvolvimento do sector, como formas de mecanização em culturas tradicionais, características agronómicas dos sistemas de cultivo e de irrigação, pragas e doenças, comportamento das culturas à colheita e pós-colheita, gestão de resíduos agrícolas, adubação orgânica, incentivar as boas práticas agrícolas. Toda a informação gerada juntamente com as sementes das variedades alvo, foram transferidas para os agricultores ou entidades reprodutivas, visando um desenvolvimento rural sustentável com práticas agrícolas amigas do ambiente. Além disso, foi realizado um estudo sobre a importância das variedades tradicionais no mercado insular, afim de identificar as necessidades do sector e a importância destas nos sistemas tradicionais de cultivo, bem como na manutenção paisagística. Assim, se valorizou a produção no sentido de alcançar lucros para agricultores que cultivam variedades tradicionais, visando também a introdução em algumas destas cultivares um selo de qualidade que veio adicionar um valor extra á produção.

AEGRO - An integrated European in situ management workplan: Implementing genetic reserves and on farm concepts

Programa: EU/Nº870/2004 Plant Genetic Resources
Promotor: Julius Kühn-Institut 
Parceiros: Centro ISOPlexis; University of Birmingham; Greek Gene Bank; Danish Institute of Agricultural Sciences; Federal Agency for Agriculture and Food (BLE); Centre for Biological Diversity (IBV); Universidad Politécnica de Madrid; International Plant Genetic Resources Institute; CRA-Istituto Sperimentale per la Frutticoltura di Roma 
Período de execução: 2007 a 2011

Descrição: O projeto teve por objetivo desenvolver um plano europeu integrado para o maneio in situ dos recursos genéticos dos parentes silvestres e landraces (variedades locais) de quenopodiáceas, aveia, brássicas e prunóideas, procedendo à inventariação e gap analysis do conhecimento sobre a distribuição, ocorrência e estado de conservação destes recursos genéticos, a fim de desenvolver um plano de conservação e implementação de reservas genéticas, seguindo as Diretivas Comunitárias. No âmbito do projeto a unidade participou no workpackage das quenopodiáceas, tendo sido responsável pela inventariação, georreferenciação, análise ecogeográfica e determinação da baseline populacional da espécie Beta patula. Como resultados temos a elaboração do workpaper com a metodologia a utilizar na identificação dos locais apropriados e implementação de reservas genéticas, e a elaboração e proposta ao PNM de um plano para implementação da reserva genética para a Beta patula.

ISOPlexis

Universidade da Madeira
Campus da Penteada
9020-105 Funchal - PORTUGAL 

https://isoplexis.uma.pt
isoplexis@mail.uma.pt
facebook.com/isoplexis.centro
Tel.: +351 291 705 000 ext. 5408

Copyright © ISOPlexis 2007 -